Google Ads: Confira 4 dicas que garantem tráfego relevante

Google Ads: Confira 4 dicas que garantem tráfego relevante

Por Danilo Mazuquin

especialista em Midias de Busca

Publicado em 02 de Agosto de 2021 às 20:25 | Atualizado em 02 de Agosto de 2021 ás 20:38

Prefere conferir esse conteúdo em vídeo?

O uso correto do Google Ads é crucial para o sucesso online de sua empresa. Existem diversos truques que podem contribuir na melhora do tráfego relevante dos seus anúncios. Para te ajudar, a Mazukim separou 4 dicas valiosas para você que está criando campanhas nas redes de pesquisa do Google.

1. Escolha palavras-chave que demonstrem, de forma clara, as intenções de consumo do seu usuário

No momento de escolher as palavras-chave, ao invés de pensar em volume de busca, como a maioria faz, coloque o seu foco nas intenções de consumo. Elas precisam estar representadas de forma clara e direta pelos termos escolhidos. A finalidade de consumir o seu produto, serviço ou solução, deve ser traduzido pelas palavras-chave digitadas pelo usuário na barra de busca. Os termos de pesquisa que representam bem o desejo do consumidor de adquirir seus produtos, geram um alto volume de tráfego.

No primeiro momento, com um baixo orçamento, palavras com um grande volume de pesquisa muitas vezes não são a melhor opção, a preocupação com o alto volume de acessos deve ser apenas para aqueles com uma grande aplicação. Para um baixo investimento, mesmo um pequeno volume de tráfego, muito provavelmente, irá suprir as necessidades. O importante nesses casos não é a quantidade e sim a qualidade, um grande volume de acessos não necessariamente significa tráfego relevante.

Portanto, ao escolher as palavras-chave foque sempre se elas demonstram, de maneira clara, a intenção do seu consumidor. Caso contrário, não há sequer necessidade de verificar qual o volume de tráfego da mesma.

2. Opte por palavras-chave coerentes com o seu anúncio

Ao criar um anúncio no Google Ads, não deixe de se atentar a coesão entre as palavras-chave e o seu anúncio. O seu produto, serviço ou solução deve ser representado claramente pela escolha de termos. O usuário tem que encontrar coerência entre aquilo que ele pesquisa e o anúncio que é visualizado.

Além disso, outro fator de grande influência na conversão do tráfego relevante é o site da sua empresa. De nada adianta escolher perfeitamente os termos que melhor representam o seu produto, se o usuário não realizar a conversão por falta de uma interface adequada, que tenha aderência. Muitas vezes a página de destino ao menos está falando sobre o assunto que o usuário visualizou no anúncio, esse é um erro que não pode ser cometido em hipótese alguma.

3. Utilize correspondência de palavras-chave

Ao criar uma campanha dentro do Google Ads, você pode simplesmente cadastrar palavras-chave de maneira ampla no seu grupo de anúncios. Assim, a partir do momento que um usuário pesquisar aquele termo no Google, será possível ter acesso ao seu anúncio. Contudo, ao colocar uma palavra-chave de maneira ampla, sem qualquer tipo de refinamento ou correspondência, você muito provavelmente estará gerando um grande quantidade de tráfego irrelevante. E isso é dinheiro jogado fora, pois sua taxa de conversão será bastante baixa.

Significa então dizer que, escolher os termos corretos é fundamental, pois assim como pontuado na primeira dica, ter aderência entre o termo e o anúncio é essencial. Além disso, é necessário que haja o refinamento por meio da correspondência de palavras-chave. A correspondência irá afunilar o seu tráfego, fazendo com que esse seja mais qualitativo, dessa forma, você de fato encontrará o seu público.

Quer saber mais ainda mais sobre o uso de correspondência no Google Ads? A Mazukim preparou um vídeo especial sobre como utilizar a correspondência de palavras-chave no Google Ads e otimizar o seu tráfego.

4. Faça uso das palavras-chave negativas

A última dica está relacionada ao refinamento de tráfego através da negativação de palavras-chave. Esse é um cuidado que deve ser tomado ainda antes de colocar uma campanha no ar e deve ser mantido diariamente. É muito importante que todos os dias seja atualizada a lista de palavras-chave negativas com base nas pesquisas anteriores realizadas por usuários.

Sendo assim, ao montar uma campanha no Google Ads, se questione quais são os termos que você deseja que não sejam relacionados ao seu anúncio. Dessa forma, você faz com que menos pessoas que não teriam aderência ao seu negócio vejam o seu anúncio. Isso reduz os gastos que você tem com a sua campanha e impacta diretamente no aumento da sua taxa de conversão, na redução do seu custo por contato e no aumento do seu tráfego relevante.

Este conteúdo fez sentido para você? Então deixe seu comentário logo abaixo ou em nossas redes sociais:

Siga o Instagram da Mazukim

Curta nossa página no Facebook

Conecte-se com nosso Linkedin

Siga o Tiktok da Mazukim

Inscreva-se no nosso canal do Youtube

Consuma Mais Conteúdo de Marketing Digital


Minha Loja Virtual Não Vende. O Quê Devo Fazer?

Coronavírus: Como o Coronavírus pode Influenciar o Marketing do Meu Negócio?

Correspondência de Palavra Chave no Google: Entenda Como Funciona e Sua Importância!

Quer ter o mesmo resultado que o nosso blog?
Comece a criar conteúdo com a Mazukim Agora!

Quero Fazer uma Avaliação!